Medida dos combustíveis para pesados é uma “discriminação positiva”

Medida dos combustíveis para pesados é uma “discriminação positiva”

141
0
COMPARTILHE
O deputado socialista defende a medida tomada pelo Governo e fala em exemplo.

Luís Testa, deputado do Partido Socialista, fala numa “discriminação positiva” quando questionado sobre a medida de descida dos preços dos combustíveis para as transportadoras em três zonas da fronteira.

“O objetivo [da medida] é que essa discriminação seja positiva e atenda de uma forma de equidade aqueles que são sintomas muito próprios de regiões do interior do país”, garantiu o socialista, mostrando que o objetivo do partido é “é poder apresentar um plano que salvaguarde empresas de transporte do interior ou que passem do interior para o outro lado da fronteira”.

Assim, o deputado referiu, em declarações à SIC Notícias, que se pretende “tratar de forma igual coisas iguais e de forma diferente coisas diferentes”.

“As regiões do interior, que convivem com muitas discriminações negativas, têm nesta medida um exemplo de como se pode discriminar positivamente, a seu favor, uma questão tão essencial como é o abastecimento do transporte de mercadorias”, realçou Luís Testa.

 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA