Últimas chuvas em Luanda provocaram 19 mortes e 50 feridos

Últimas chuvas em Luanda provocaram 19 mortes e 50 feridos

118
0
COMPARTILHE

O mais recente balanço das chuvas em Luanda aponta um aumento do número de mortos, com o registo até agora de 19 óbitos, 50 feridos e quatro pessoas desaparecidas, informou hoje a proteção civil e bombeiros.
Os dados foram avançados pelo porta-voz do Serviço Nacional de Proteção Civil e Bombeiros, Faustino Sebastião, que prevê uma subida do número de mortes.
Segundo Faustino Sebastião, os municípios mais afetados são dos de Viana, Cacuaco, Belas, Cazenga, e os distritos urbanos da Ingombota, Kilamba Kiaxi, Rangel e Maianga.
O responsável, citado pela agência noticiosa angolana, Angop, disse que os apoios continuam a ser disponibilizados pelas administrações locais, desde a montagem de abrigos e entrega de bens de primeira necessidade às milhares de famílias desalojadas em consequência das chuvas, assim como para a realização dos funerais das vítimas.
A capital angolana tem recebido chuvas torrenciais, a mais forte ocorrida segunda-feira, que resultaram em, até ao último balanço, 28.870 casas inundadas, 6.130 famílias desabrigadas, 609 casas desabadas, no aumento do caudal do rio Kwanza e o transbordo de várias bacias de retenção de água.
Além das residências, a chuva deixou inundadas 78 escolas, 14 colégios, 17 esquadras de polícia e 11 postos de transformação elétrica e provocou o derrube de nove árvores.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA