COMPARTILHE

O presidente do Sporting, Bruno de Carvalho, garantiu nesta quinta-feira que o clube tem uma “dupla almofada” para suportar uma eventual indemnização à Doyen, mostrando-se tranquilo à espera da decisão.

“Toda a agente sabe que perdemos o caso. Ao perdermos, pagamos ou recorremos. No entanto, já tínhamos aprovisionado as contas nesse valor e temos um dupla almofada. Estou muito tranquilo, à espera”, começou por dizer o presidente do clube de Alvalade, no final do II Congresso Internacional “The Future of Football”, organizado pelo Sporting.

Sobre a introdução das novas tecnologias no futebol, o líder dos “leões” mostrou-se apologista a esses recursos e pretende que os testes sejam introduzidos rapidamente.

Bruno Carvalho elogiou também o treinador Jorge Jesus, afirmando que o técnico dos “leões” é de “eleição e o cimento da infra-estrutura de um trabalho muito forte que tem sido feito até ao momento”.

A terminar, Bruno de Carvalho admitiu que o plantel continuará forte e que as receitas do Sporting cresceram, justificadas pelo contrato assinado com a operadora de televisão NOS.

“Aumentaram as receitas porque o Sporting fechou um contrato muito importante. Vamos manter a equipa forte, por muito que custe aos adversários e competimos para sermos campeões nacionais”, concluiu.

Fernando Gomes e Pedro Proença favoráveis às novas tecnologias

Presente no evento, o presidente da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), Fernando Gomes, também se mostrou a favor da introdução das novas tecnologias na modalidade, frisando, ainda assim, que os erros não vão desaparecer.

“A FPF pertence ao grupo das federações que concordam com a introdução das novas tecnologias e queremos que seja testada no Mundial 2018. Não esperamos que os erros sejam todos evitados, mas que sejam atenuados”, afirmou Fernando Gomes.

O presidente da FPF referiu ainda que as tecnologias “não podem, nem devem interferir na dinâmica do jogo”, devendo “existir transparência e tornar simples as questões fora das quatro linhas”.

Já Pedro Proença, presidente da Liga de Clubes, prometeu novidades para a final da Taça da Liga, cuja data ainda não está fixada mas que se disputará em Coimbra. “A nossa final da Taça da Liga vai aparecer com uma nova ‘roupagem’, com conceito tecnológico e com todas as ferramentas na defesa da verdade desportiva”, sublinhou.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA