COMPARTILHE

A Polícia Judiciária efetuou esta quarta-feira buscas a diversas empresas de Paços de Ferreira, Paredes e Penafiel. Foram detidas 10 pessoas nesta operação por suspeitas de crimes de fraude fiscal e branqueamento de capitais.

Em causa estarão alguns milhões de euros que terão sido desviados do Estado através de faturação fictícia, segundo comunicado da Polícia Judiciária. Os detidos são empresários na região de Paredes e Paços de Ferreira que, com a colaboração de uma empresa de contabilidade, serviam-se da emissão de ‘faturas de favor’ sem qualquer transação que as fundamentasse.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA