Mário Machado condenado a dois anos e nove meses por extorsão agravada

Mário Machado condenado a dois anos e nove meses por extorsão agravada

279
0
COMPARTILHE

O ex-dirigente da Frente Nacional Mário Machado foi hoje condenado a dois anos e nove meses de prisão, por tentativa de extorsão agravada, pela Instância Central Criminal de Lisboa.

Em causa está um processo de alegada tentativa de extorsão, a partir da cadeia, através de uma carta, enviada à vítima Rute Pereira, a quem exigiu 30 mil euros, sob ameaça de morte, a cumprir diante dos filhos, de acordo com o processo.

Os factos foram rejeitados pelo arguido, que disse ter cancelado a entrega da carta, alegação que o tribunal não acatou.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA