Euro2016: Portugal joga hoje acesso às meias-finais com a Polónia

Euro2016: Portugal joga hoje acesso às meias-finais com a Polónia

521
0
COMPARTILHE

A seleção portuguesa de futebol procura hoje aceder pela quinta vez às meias-finais de um Campeonato da Europa, ao defrontar a Polónia, que, em contraste, surge pela primeira vez nesta fase da competição.

No Estádio Vélodrome, em Marselha, Portugal vai tentar repetir os feitos de 1984, 2000, 2004 e 2012, sendo que só seguiu para o jogo decisivo no Euro2004, que organizou, acabando por perdê-lo face à Grécia (0-1).

Portugal é mesmo a seleção que mais vezes chegou às meias-finais de um Europeu e que nunca conquistou o título.

A equipa das ‘quinas’ chega aos quartos de final do Euro2016 depois de três empates com Islândia (1-1), Áustria (0-0) e Hungria (3-3), todos no grupo F, antes de um sofrido triunfo sobre a Croácia (1-0), que foi decidido com um golo de Ricardo Quaresma, já no final do prolongamento (117 minutos).

Raphael Guerreiro e André Gomes, ambos titulares com os croatas, são as grandes dúvidas para o duelo com a Polónia, uma vez que falharam os dois primeiros treinos da semana devido a problemas musculares e fizeram treino condicionado na quarta-feira.

Ao contrário do lateral e do médio, João Moutinho parece restabelecido dos problemas físicos que o afastaram dos ‘oitavos’ e estará às ordens de Fernando Santos para o encontro com a equipa polaca.

Do lado do conjunto de leste, o avançado Robert Lewandowski chegou a estar em dúvida, mas o selecionador Adam Nawalka confirmou na véspera que a principal figura da Polónia deverá estar apta para a partida.

Este será o 11.º confronto entre Portugal e Polónia, sendo que a seleção nacional venceu quatro, perdeu três e registou outros três empates, o último dos quais em 2012, por altura do último duelo entre as duas equipas, um particular que terminou com um ‘nulo’, em Varsóvia.

Portugal defronta hoje a Polónia, nos quartos de final do Europeu de 2016, num encontro agendado para as 21:00 locais (20:00 em Lisboa), no Estádio Vélodrome, em Marselha, e que será dirigido pelo alemão Felix Brych.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA