Eles Concriam

Eles Concriam

Os artigos publicados neste espaço são da inteira responsabilidade dos seus subscritores

207
0
COMPARTILHE

Ouvi esta história há muitos anos. Não sei a sua origem nem quem a contou pela primeira vez mas aquilo que eu sei é que ela é sapiente e por isso a vou contar com a devida referência ao seu desconhecimento.
Um aldeão, pobre e sem onde repousar a cabeça, decidiu um dia fazer-se à estrada depois de a sua colheita ter sido queimada por um exército invasor. Caminhou longamente, desesperado de fome, de sede, de apoio que ninguém lhe dava, até que encontrou um castelo, sede de um dos mais ricos reinos existentes.
Uma vez lá chegado, subiu ao castelo e foi caminhando em direção à sala real. Ali, encheu o peito, fez-se forte e dirigiu-se ao trono onde, com o ar mais altivo, se sentou. Vendo isto, um grupo de conselheiros do Rei interrogou-se:
– Quem és tu? És algum Príncipe?
– Não – respondeu o homem. Sou mais do que isso!
Logo os Conselheiros ordenaram fossem trazidas roupas para ser vestido na condição a que se arrogava de superior a Príncipe. E foi já assim engalanado que lhe perguntaram:
– És Rei, porventura?
– Não – respondeu o homem. Sou mais do que isso e tenho fome!
E os Conselheiros logo ordenaram que lhe fossem trazidas iguarias para que este se deleitasse e matasse a sua fome. Intrigados e vendo os seus modos ao comer aquele festim, os Conselheiros questionaram:
– Acima do Rei só Deus! És Deus?
– Não – respondeu o homem. Sou mais do que isso!
– Acima de Deus não há nada! – insurgiram-se os Conselheiros.
– Pois, é mesmo isso que eu sou!…
Há quem seja nada e queira ser Rei e há aqueles que, sendo Reis, provavelmente, preferiria ser nada… Agora concriem…e pensem! Mas não pensem muito porque há um prazo e o tempo está a esgotar-se!

João Correia

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA