Gratidão Imensa

Gratidão Imensa

538
0
COMPARTILHE

Dias quentes, noites longas, o verão que esperávamos para descansar de um ano de trabalho, para regressar à terra…

Mas o céu não está azul, não cheira a mar e descanso não há.

Todos os anos o mesmo flagelo, um país pintado de negro e corações em sobressalto.

E é aqui que a realidade vence a ficção, porque são reais os homens que deixam o lar sem saber se lá vão voltar.

Sem capa, sem super poderes, são eles os verdadeiros heróis, aqueles com que sabemos poder contar nas horas de maior aflição e que tantas vezes fazem juz ao seu lema, dando a vida por vidas.

A eles, todo o louvor. A eles, gratidão imensa.

Rute Cunha

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA