Pela valorização da profissão de Engraxador

Pela valorização da profissão de Engraxador

COMPARTILHE

Carlitos vai percorrer os 18 distritos com o objetivo de valorizar uma profissão em vias de extinção e criar um dia em homenagem à mesma.

Engraxador que anda a percorrer o país esteve em Lousada

Carlos Alberto Santos Silva é de Tavira e está a percorrer o país. Por onde passa, deixa a sua marca através da graxa de sapatos. Depois de ter passado em Braga, Bragança e Viana do Castelo, parou em Lousada.

Os Bombeiros Voluntários de Lousada foram a entidade escolhida por “Carlitos, o engraxador”. E foi a engraxar as botas de quatro bombeiros, que o homem explicou o que o levava a percorrer o país. São poucos aqueles que exercem a profissão, é um ofício “em vias de extinção”.

Em todas as paragens, tenta fazer um apelo às câmaras municipais para disponibilizarem algum tipo de apoio para os que querem continuar a fazer de engraxador uma profissão.

Carlos exerce a profissão há 21 anos, mas também passou pela vida política nas últimas eleições autárquicas ao candidatar-se a presidente da Câmara Municipal.

Para além das ajudas, o engraxador de Tavira quer simbolizar esta profissão com a criação de um “Dia do Engraxador”, a 23 abril.

A 23 de março, termina esta jornada no Algarve, na Feira do Contrabando, em Alcoutim, onde espera a presença de algumas figuras ilustres da política portuguesa. Depois disso, pensa criar um jornal em que vai compilar todas as histórias dos sítios por onde passou.