Militar da GNR atingido a tiro ao tentar capturar foragido da prisão

Militar da GNR atingido a tiro ao tentar capturar foragido da prisão

242
0
COMPARTILHE

Um militar do destacamento de intervenção da GNR foi atingido a tiro no peito durante o decorrer de uma operação de buscas e captura na Covilhã.

O militar não terá ficado ferido uma vez que tinha vestido um colete à prova de bala.

Ainda assim, foi transportado para o hospital da Covilhã e está sob observação por prevenção, mas terá apenas “o corpo dorido”.

Não houve mais do que um tiro. Graças ao seu ‘sangue frio’ foi o próprio militar que imobilizou o atacante, atirando-se para cima dele depois do disparo.

O homem sobre o qual incidia o mandado de captura que motivou esta operação tinha fugido da prisão há 14 anos.

O autor dos disparos terá sido um outro homem, não o foragido. Ambos foram detidos, estando o atacante agora indiciado por posse de arma ilegal e tentativa de homicídio.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA