Saída da UE deixará Reino Unido “mais pobre de forma permanente”

Saída da UE deixará Reino Unido “mais pobre de forma permanente”

197
0
COMPARTILHE
foto DR

O primeiro-ministro britânico, David Cameron, e o titular das Finanças, George Osborne, intensificaram as suas advertências contra o voto pelo Brexit, à aproximação do referendo europeu, marcado para quinta-feira, em declarações publicadas hoje por vários jornais ingleses.

Abandonar o bloco comum porá em risco a prosperidade do Reino Unido, é o argumento usado por ambos os políticos, quando faltam apenas quatro dias para o referendo de dia 23, em que os cidadãos decidem sobre a continuidade britânica no grupo dos “28”.

As campanhas para o referendo, a favor e contra a saída do Reino Unido da União Europeia, recomeçam este domingo.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA