Assinado protocolo para a realização de obras nas EBS de Rebordosa e...

Assinado protocolo para a realização de obras nas EBS de Rebordosa e Lordelo

Presidente da Câmara de Paredes avançou que logo que a remodelação destes dois estabelecimentos esteja concluída e à medida que as condições financeiras da câmara municipal melhorem, a autarquia vai projetar as obras necessárias e urgentes na EB2,3 da Sobreira, na EB 2,3 de Paredes, na EB 2,3 de Cristelo na Secundária de Vilela e Baltar

241
0
COMPARTILHE

O presidente da Câmara de Paredes, Alexandre Almeida, e a Secretária de Estado Adjunta da Educação, Alexandra Leitão, assinaram, hoje de manhã, no salão nobre da autarquia, o acordo para a realização de obras nas EBS de Rebordosa e Lordelo.

Alexandre Almeida reputou de elevada importância a realização destas obras, lamentando, no entanto, que as obras não estivessem já a decorrer uma vez que os fundos comunitários já estavam à disposição do município desde 2016.

“É certo que o valor desses fundos comunitários disponíveis não chegavam para a realização das obras que queremos realizar, mas não podíamos continuar parados, tínhamos que avançar com projetos, tínhamos que avançar com as candidaturas e tínhamos de encetar diálogo com o Ministério para solicitar as verbas. Há anos que as obras estavam reclamadas  por estas comunidades escolares No caso da EBS de Rebordosa existiam infiltrações de água em várias zonas do estabelecimento, sobrelotação destes dois estabelecimentos de ensino com constrangimentos ao funcionamento das atividades letivas É sabido que quer em Rebordosa quer em Lordelo, num caso são ministradas aulas numa escola básica à beira da EBS e no caso de Lordelo há também aulas a serem ministradas em contentores”, disse, salientando que quer em Rebordosa quer em Lordelo o município vai estar em condições de fazer as obras que se impõem, substituição dos telhados, caixilharia, substituição das casas de banho, melhorar o sistema de aquecimento, substituir as cozinhas, toda a parte elétrica, etc.

“Da nossa parte, as obras irão arrancar muito em breve O concurso público para a empreitada da EBS de Rebordosa já foi adjudicada. Os trâmites legais para o concurso público da EBS de Lordelo estão para muito breve”, concretizou.

O chefe do executivo realçou, também, que logo que a remodelação destes  dois estabelecimentos esteja concluída e à medida que as condições financeiras da câmara municipal melhorem, contando com novos fundos comunitários e com o apoio do Governo, a autarquia irá começar a projetar as obras necessárias e urgentes na EB2,3 da Sobreira, na EB 2,3 de Paredes, na EB 2,3 de Cristelo e na Secundária de Vilela e Baltar

A secretária de Estado Adjunta da Educação referiu que o investimento realizado nestas duas escolas resultou da conjugação dos seguintes esforços, por um lado as verbas comunitárias que existiam no Feder no Portugal 2020, mas que não eram suficientes, tendo sido necessário majorá-las com um valor do orçamento de Estado de cerca de um milhão de euros, o orçamento do município.

“Para que o sistema educativo funcione haja uma concertação de esforços entre a administração central, as autarquias e as escolas”, sustentou, acrescentando que a assinatura deste protocolo foi o culminar de todo um processo, o ultrapassar de dificuldades, considerando o investimento nas escolas como uma aposta ganha.

“Quero sublinhar esta pareceria com a autarquia, esperar que as obras decorrem com o menor transtorno possível”, assegurou.

 

 

 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA