Câmara de Paredes avança com plano para eliminar amianto em vários...

Câmara de Paredes avança com plano para eliminar amianto em vários equipamentos públicos

Autarca quer remover coberturas de fibrocimento na EB2, 3 de Rebordosa e Lordelo, alargando o plano a outros estabelecimentos de ensino.

649
0
COMPARTILHE

O presidente da Câmara de Paredes, Alexandre Almeida, anunciou na última reunião da Assembleia Municipal,  realizada no sábado, que a autarquia tem um plano para remover o amianto, coberturas de fibrocimento, em edifícios e equipamentos públicos.

Questionado pelo deputado municipal do grupo do CDS-PP Paredes, Jorge Ribeiro, sobre a existência de amianto em vários equipamentos públicos e a necessidade de minimizar este problema, o autarca paredense realçou que vai avançar com a remoção das placas em vários estabelecimentos de ensino, nomeadamente, na EB 23, de Rebordosa e Lordelo, sendo objetivo intervir, também, na EB 2,3 da Sobreira, Paredes e Cristelo.

“Temos um plano para eliminar o amianto em vários equipamentos desde logo para as obras  que estão a concurso na EB 2,3 de Rebordosa e Lordelo. Iremos fazer um levantamento de todas as coberturas e substituição dessas coberturas por outros materiais. Temos, também, de intervir noutras escolas, nomeadamente, na EB 2,3 da Sobreira, de Paredes, Cristelo. Deveria ser o Ministério da Educação a fazê-lo, se entretanto, avançar também vamos ver forma de  poder fazer isso”, disse, salientando que é, igualmente, prioritário atacar este problema nas oficinas de Paredes.

“Sabemos que existe amianto nas oficinas de Paredes e há um plano para o remover gradualmente”, expressou.

 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA