DIVISÃO HONRA AFP: Só o Caíde de Rei pontuou

DIVISÃO HONRA AFP: Só o Caíde de Rei pontuou

Sábado (15h00) dérbi concelhio entre o Lousada “B” e o Caíde de Rei

533
0
COMPARTILHE

Na segunda ronda da Honra da AFP, das equipas de Lousada, só o Caíde de Rei somou pontos ao empatar em casa com o Bougadense, numa partida em que esteve a perder por dois golos de diferença, mas no final justificou o ponto conquistado e até um pouco mais.
A primeira oportunidade até pertenceu aos da casa com o jovem Telmo (ainda júnior) a isolar-se, mas o remate saiu à figura do guarda-redes. No entanto, foram os homens da Trofa que abriram o placard. Beneficiando de um erro defensivo Roberto bateu Simão pela primeira vez.
A resposta do Caíde não se fez esperar e volvidos alguns minutos, Telmo com um pontapé irrepreensível do meio da rua restabeleceu a igualdade.
Apesar do equilíbrio, os erros defensivos da turma da casa acabaram por ser determinantes para o desfecho do resultado no primeiro tempo. À passagem da meia-hora, um livre marcado à entrada da área de forma rápida apanhou a defensiva desprevenida com a bola a chegar à pequena área e Serra limitou-se a encostar para o fundo das redes. Pouco depois foi Casimiro a furar pela defesa e bater Simão pela terceira vez.
A segunda parte foi diferente. O Caíde de Rei esteve sempre por cima do jogo e por volta a uma hora de jogo Cardoso com um remate à entrada da área não deu hipóteses a Celso e reduziu para a diferença mínima. À entrada para os últimos 10 minutos, Telmo, que se preparava para fuzilar as redes contrárias, foi rasteirado por um oponente. Uma grande penalidade evidente que Cardoso aproveitou para bisar e restabelecer nova igualdade.
No tempo que faltava para jogar, os homens da casa ainda ficaram a reclamar novo castigo máximo, novamente por carga sobre Telmo, mas desta vez o árbitro nada assinalou e o Caíde acabou por somar o primeiro pontos, antes da deslocação a Lousada para o primeiro dérbi concelhio da temporada a ter lugar no sábado, no relvado n.º 2 do Complexo de Lousada, às 15h00.

A equipa B do Lousada não entrou com o pé direito na estreia nesta divisão e depois da derrota na deslocação ao Bougadense (2-0), averbou nova derrota, agora na receção ao S. Lourenço do Douro.
Embora seja ainda prematuro uma análise à qualidade das equipas, este S. Lourenço do Douro parece ser um dos candidatos à subida de divisão. Muito bem organizada e com atletas evoluídos, praticou um futebol fluído e consistente não dando grandes hipóteses aos jovens lousadenses.
Os marcoenses marcaram no início de ambas as partes, primeiro por intermédio de Juca (14’) e depois por Bessa (59’), construindo um triunfo tranquilo que até poderia ter sido mais dilatado, dadas as oportunidades criadas.

A Aparecida também não somou qualquer ponto nesta ronda e depois da excelente vitória em Gens, sofreu uma derrota caseira na receção ao Atlético de Rio Tinto (2-3) que começou a desenhar o triunfo logo aos 10 minutos na marcação de uma grande penalidade, resultado com que se chegou ao intervalo.
Na segunda parte esperava-se a reação dos homens da Vila Mítica, mas logo após o recomeço Bolati dilatou a vantagem para os visitantes. Pouco depois Zé Tó ainda reduziu para o Aparecida e numa altura em que a equipa procurava chegar à igualdade, sofreu o terceiro golo em cima do minuto 90. Nos descontos, Maicon ainda voltou o colocar o placard na diferença mínima, mas já não houve tempo para mais.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA