Human Rights Watch denuncia destruição de mais aldeias rohingya na Birmânia

Human Rights Watch denuncia destruição de mais aldeias rohingya na Birmânia

309
0
COMPARTILHE

A Human Rights Watch (HRW) denunciou hoje que outras 40 aldeias da minoria muçulmana rohingya no oeste da Birmânia foram queimadas no âmbito da ofensiva militar que levou mais de 655 mil pessoas a fugir para o Bangladesh. A organização internacional de defesa dos direitos humanos recorreu a imagens de satélite para identificar os novos incidentes, registados entre outubro e novembro, que elevam para 354 o número de aldeias total ou parcialmente queimadas desde o início da campanha do exército birmanês em 25 de agosto. Em comunicado, a HRW assinalou que alguns dos casos detetados ocorreram na mesma semana em que os governos da Birmânia e do Bangladesh assinaram um memorando com vista à repatriação das centenas de milhares de refugiados que continuam a atravessar a fronteira.

Por Lusa

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA