III Concurso de Melhor Broa Regional do Vale do Sousa

III Concurso de Melhor Broa Regional do Vale do Sousa

Festival Tradicional de Lousada

229
0
COMPARTILHE

No último dia de Festival Tradicional, realizou-se o III Concurso de Melhor Broa Regional do Vale do Sousa e teve lugar o I Encontro de Confrarias de Lousada, mais concretamente do Bazulaque e do Sarrabulho Doce, a quem foi entregue uma lembrança para assinalar o momento.
O primeiro prémio, que distinguiu a Melhor Broa, foi atribuído a Maria Pinto, de Lousada, seguindo-se Rosa Oliveira, de Penafiel, e Paulo Duarte, de Paredes.
O júri teve em consideração diversos pontos aquando da decisão, nomeadamente aspeto, cor, odor, textura, coesão e sal. Fizeram parte dos jurados o Eng. Rocha Fernandes, da Direção Regional de Agricultura e Pescas do Norte, o Dr. Pedro Moreira, da Escola Superior Agrária de Coimbra, o Eng. Eduardo Taveira Copagri, e José Babo Magalhães, produtor local.
A iniciativa é fruto de uma organização conjunta da Copagri, Câmara Municipal de Lousada e da Ader-Sousa.
A Vereadora do Desenvolvimento Económico e Social, Dra. Cristina Moreira, destacou que “o balanço deste evento é positivo devido a inúmeros fatores, nomeadamente ao I Encontro de Confrarias de Lousada, em que juntou a Confraria do Bazulaque e Confraria do Sarrabulho Doce. Também a parte destinada à gastronomia permitiu uma dinâmica interessante, permitindo que os visitantes tivessem oportunidade de lanchar ou até mesmo jantar no mesmo espaço”.
A Dra. Cristina Moreira elenca ainda “a participação dos ranchos folclóricos que permitiram um enquadramento perfeito com a filosofia do evento, a música local que animou as noites e a participação dos seniores como elementos fundamenais deste evento”.
Este é um evento que envolve pessoas de idades muito variadas e pode ver-se que os mais novos estão a participar e ajudar os pais que são produtores. “Esta é a segunda geração do Lousada Festival Tradicional”, como lhes chama a Vereadora do Desenvolvimento Económico e Social.
Para uma próxima edição fica a sugestão para “promover um concurso de vinhos e espumantes da região, mas também a criação da Confraria da Broa de Milho, que é um produto simples e que está presente nas mesas das famílias do Vale o Sousa e de várias regiões do país”.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA