MOTOCICLISMO: Velocidade de volta em palco de decisões

MOTOCICLISMO: Velocidade de volta em palco de decisões

São três os pilotos lousadenses que participam nesta competição

338
0
COMPARTILHE

Após uma longa paragem o campeonato nacional de velocidade está regressa à acção no próximo fim‑de‑semana (21 e 22 de setembro) para aquela que será a penúltima paragem do calendário 2019, competição na qual participam três pilotos lousadenses.


O Circuito do Estoril é o cenário de eleição para o encerramento da temporada e será no seu asfalto que todas as decisões irão chegar num programa dividido pelos dias de Sábado e Domingo e onde constam oito corridas, sendo que cinco delas se realizam no Domingo.
Com organização a cargo do Motor Clube do Estoril a prova poderá decidir de imediato o ceptro na categoria maior caso Ivo Lopes feche a o jornada com mais de meia centena de pontos de vantagem face ao concorrente directo, neste caso Pedro Nuno. 32,5 pontos separam os dois pilotos e com 50 em jogo Pedro Nuno terá que forçosamente deixar Ivo Lopes atrás de si para manter as suas esperanças quanto ao campeonato ainda vivas. Lopes precisa apenas de controlar a concorrência, que tem em Tiago Magalhães o terceiro classificado, ele que ao lado de Lopes e Nuno tem estado com regularidade  no pódio mas sem vencer, distinção onde apenas Pedro Nuno conseguiu quebrar o domínio de Ivo Lopes ao vencer uma das oito corridas já realizadas.
Nesta classe Rainha, compete o lousadense Romeu Leite, ex-campeão das Stock 600, mas que não tem máquina para se bater com os principais concorrentes, sendo que ocupa atualmente a 6.ª posição da geral.

Juntamente com as Superbikes, competem as Superstock 600 na qual participa o lousadense Dany Soares que em ano de estreia já venceu uma corrida. Com apenas três pilotos a pontuar para o campeonato, Dany Soares é vice-líder, mas dificilmente chegará ao título. Para isso seria necessário que o líder, Dani Trelles, não pontuasse nas duas derradeiras jornadas (quatro corridas).
O outro piloto de Lousada é o jovem Gonçalo Ribeiro que lidera na classe 85GP/Moto4 e se encontra bem posicionado para trazer para o concelho mais um título de motociclismo. O jovem compete ainda na categoria Prémoto 3, onde ocupa atualmente a 3.ª posição.
Todas as restantes categorias do campeonato vão estar igualmente em pista para mais uma ronda bem animada e onde será homenageada Maria Lajes, uma das comissárias do clube organizador recentemente desaparecida cujo nome será mesmo o oficial daquela que é a quinta prova do campeonato nacional 2019. Depois deste fim‑de‑semana o CNV ficará com mais uma prova para realizar, já no mês de Outubro.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA